Feeds:
Posts
Comentários

Archive for dezembro \21\UTC 2008

Férias

Pessoal,

vou viajar por estes dias e o blog que anda parado retorna cheio de novidades em 2009.
Um Natal abençoado a todos e um ano novo só com felicidade, alegria, saúde, paixão e muito menos o que tolerar.

Read Full Post »

bushsapato

Poderia ser mais claro?
Neste jogo do poder, os poderosos também são reféns da própria globalização que criaram e na relação com a mídia.
Um gesto como o de atirar os próprios sapatos (e chamá-lo de “cão”) contra o quase-não-mais presidente americano George W. Bush é para mim um símbolo fidedigno daquilo que representa ao mundo estes 8 anos de atraso no desenvolvimento de um mundo melhor. Este trator que passou por cima dos ideais de vários povos, envio aos horrores da guerra milhares de pessoas, milhares de civis mortos (uma situação talvez pior que a anterior), falta de transparência sobre como o país é administrado economicamente, dados sobre a reconstrução do Iraque maquiados pela Pentágono, licitações duvidosas na administração do petróleo, crimes horrendos de guerra com tortura sexual, religiosa e tantas outras. Eu tentei me limitar ao Iraque, mas nem preciso dizer que esta crise econômica tem fruto nestas e em várias outras atrocidades em nome da manutenção do poder e da economia de pouquíssimos.

No que foi chamada de uma quarta visita “surpresa” ao Iraque (como se ele visitasse em outras circunstâncias), amado que é por lá, Bush tenta apagar algumas recentes declarações de que a inteligência americana errou. A resposta veio aos sapatos.
O sapato na foto foi por minha conta, não é da foto original da AFP.

Read Full Post »

xenon

O ser humano possui algumas características que se expostas num determinado grupo social, gera distorções (bem razoáveis) do aceitável. É o caso dos faróis de xenon (ou xenônio), que acabam de ser proibidos e limitados a certas condições específicas de uso.
Basicamente, é um tipo de iluminação extremamente eficiente que ilumina mais e consome menos. Assim, ofusca mais, se atingir a visão de outro motorista de forma direta. Por essa razão, os carros de alto padrão que utilizam esta luz são cercados de aparatos que evitam que a luz chegue diretamente aos olhos de outros motoristas, como um mecanismo de auto-limpeza da área externa que mantém o fluxo de luz correto e um outro que muda a direção do foco no caso de alterações de angulação do carro. Claro que acabou chegando aqui o tal do kit chinês a 300 reais sem nada disso… e o que é pior, com intensidades de luz muito mais fortes (10.000K, 12.000K) que as máximas, criando verdadeiras máquinas de cegar ambulantes e usadas indiscriminadamente por aí.

O que é mais triste é o que é fato constatado: sem querer generalizar, as pessoas que usam este tipo de farol coincidem em grande número com as que dirigem de forma perigosa, que encostam atrás de seu carro na faixa da esquerda ainda que vc esteja na velocidade limite, que costuram, etc.. Talvez seja a única oportunidade que tenham de “usar” a potência de seus faróis como acham que devia ser.

Que bom, algo menos a se precisar tolerar na vida. Que venha esta lei e que se cumpra.

Read Full Post »

telemktbad

Se tem um assunto que não poderia ficar de fora aqui, é o serviço de atendimento ao consumidor (SAC) por telemarketing. O fato de ter “marketing” no nome diz muito, é pensado por pessoas de marketing, portanto visando a otimização dos lucros da empresa, seja para desafogar (e baratear) outros canais de comunicação, seja pra tentar vender ou convencer clientes de um determinado produto ou idéia.

É conveniente falar sobre isso agora, já que amanhã entrarão em vigências uma série de novidades.
Acho que a maioria das pessoas são como eu, usam estes serviços em caso de necessidade extrema, como pedir uma segunda via de conta de celular, ou pagar uma conta, e daí vai com menos frequência pra tirar uma dúvida, pedir uma troca de dados, etc..
Existem chateações clássicas, não necessariamente nesta ordem de irritabilidade:

a demora: o maior desprazer nestes serviços é a extrema demora. Já me acostumei a deixar o celular (quando ligo pra TIM) em viva voz por mais de 30 minutos até que alguém atenda. Ainda bem que existe o viva-voz. Tem um episódio do seriado Friends que a Phoebe passa o episódio inteiro esperando um atendimento…

a escassez de utilização dos recursos: por exemplo, se nós que temos um celular podemos identificar as chamadas de qualquer um que liga, porque a operadora precisa que disquemos o número? Eles não têm identificador?

o ping pong: a troca de área e departamento que faz com que seja necessário repetir a explicação toda da questão muitas vezes. Pior é quando a área X que faz o cancelamento do serviço tem vários filtros antes, que dificultam demais a realização do que o cliente quer. (alguém já conseguiu cancelar um cartão de crédito por telefone em menos de 1 hora? Se sim, comente sua proeza.)

o despreparo de roteiro, para sermos corretamente segmentados: por vezes somos tratados como leigos demais, por outras esperam que sejamos muito técnicos, e muitas vezes a solução que é sugerida não tem muita relação com o problema.

Conclusão: vamos esperar e torcer pra que efetivamente o serviço tenha sido aprimorado e possamos não ficar à mercê de planos sórdidos de retenção de clientes ou mesmo de estruturas ineficientes. Algumas empresas simplesmente não entendem que isso mais afasta que aproxima. Comentários com situações que vocês passaram são muito bem-vindos.

Read Full Post »